visual

A Fábrica de documentário dos Mártires em exposição no MAXXI

Fábrica dos Mártires Maxxi design social revista 02
A Fábrica de documentário dos Mártires em exposição no MAXXI Foi alterado: 2014-12-16 di Bento Flores

Quando as imagens contam a Revolução.

Este é um resumo o conteúdo do documentário co-produzido pela Fabrica e CSR Rádio Suíça escolhido pelos curadores da exposição História não editada. Irã 1969-2014 para dizer a cultura visual Sixties iranianos até hoje.

Fábrica dos Mártires Camilla Cuomo e Annalisa Vozza, propõe uma reflexão sobre os valores e memórias da empresa Iraniana. O ponto de partida são o gigante, murais coloridos que cobrem as paredes da cidade, encomendado e financiado o governo revolucionário e proliferaram na sequência do surto a guerra contra o Iraque.

Retratar o líder Khomeini, seu sucessores e mártires revolucionários. Mas acima de tudo dizer a história de pessoas comuns que, graças ao sacrifício e martírio, agora são celebrados como heróis. Os artistas autores dessas imagens acompanhar o espectador revelando o pano de fundo desta "Fábrica" ​​de mitos colectivos: como ele se adaptou para o desenvolvimento Sociedade islâmica, tentando falar com as novas linguagens gerações mais jovens que não experimentaram a revolução e guerra.

Durante a tentativa de preservar a sua identidade, as mensagens são tornam-se mais e mais elaborada, privilegiando imagens abstratas e místico, ou real trompe-l'oeil, a vontade de dar uma cara moderna ao país.

História não editada. Irã 1969-2014 toma seu título emprestado de linguagem cinematográfica para enfatizar a idéia de uma história ainda completamente legível e compartilhada. Nesta perspectiva materiais heterogêneos, tais como pinturas, fotografias, instalações, documentos, jornais, cartazes, vídeos são colocados juntos para eventos de recontagem, idéias e mudanças que deram origem as diferentes manifestações da cultura visual e modernidade em Iran.

A exposição foi concebida pelo Musée d'Art Moderne de la Ville de Paris editada por Catherine David, Odile Burluraux, Morad Montazami, Narmine Sadeg e Vali Mahlouji para a seção de Arqueologia última década e realizado em co-produção com o MAXXI.

História não editada. Irã 1969 - 2014

11 2014 dez-mar 29 2015
Museu Nacional de Arte Século XXI MAXXI
Via Guido Reni, 4 / 00196 A Roma
info: 06.3201954 info@fondazionemaxxi.it
Horário de funcionamento: 11.00 - 19.00 (mart, Qua, Qui, Sex, Dom) - 11.00 - 22.00 (Sat) | fechado às segundas-feiras

mais informações aqui

Também recomendamos

responder