visual

Exposição coletiva "ARTE DA MARCA - A alma da Marca", Milão, Palazzo Isimbardi

Ziberone Punk versão verde
Exposição coletiva "ARTE DA MARCA - A alma da Marca", Milão, Palazzo Isimbardi Foi alterado: 2014-06-04 di Bento Flores

Por ocasião do Festival Mediastars, a mostra coletiva “flashing” BRAND ART - A alma da Marca será montada no Palazzo Isimbardi, sede da Província de Milão no Corso Monforte 35, nos dias 12 e 13 de junho.

Organizada pela Media Star Editore, a exposição acontecerá sob o patrocínio da Província de Milão, UNICOM - Sindicato Nacional das Empresas de Comunicação, AI - Associação de Autores de Imagem, Brand Identikit e Associação RestArt e a colaboração da Carioca Communication.

“Das criações de Andy Warhol à produção da artista austríaca Swetlana Heger, que cunhou o termo Brand Art como um movimento que segue a Pop Art, há anos a marca e o signo gráfico são fonte de inspiração para a arte. Com esta exposição oferecemos aos entusiastas e profissionais uma janela italiana para o mundo da arte contemporânea ligada ao setor da comunicação ”, afirma o diretor da Media Star Editore, Giulio Rodolfo.

A exposição ARTE DA MARCA - A alma da Marca apresentará um olhar multifacetado sobre esta forma de arte através da obra dos artistas Zibe, Andrea Costa, Gaetano Grizzanti, Mich Farè, Monica Menozzi, Paolo Rui. Além disso, a Associação RestART apresentará 370 pins selecionados para a segunda edição do Concurso Internacional de Pins RestART.

Claudia Simoncini, historiadora da arte, é a curadora. “A Brand Art não nasce em oposição à produção anterior, pelo contrário, nela encontra raízes válidas que dão nova vida a formas, cores, traços que os artistas do movimento usam para transmitir ao espectador mensagens morais ou transgressivas com uma força extraordinária 'impacto. Devem também, de alguma forma, às correntes artísticas do século XX que fizeram dos objetos do quotidiano a "caixa de biscoitos" de De Chirico, o "cachimbo" de Magritte, a "roda de bicicleta" de Duchamp como protagonistas, embora com mensagens diferentes. , O “ferro” de Man Ray e ainda mais para trás os brocados, veludos e sedas pintados como espaldares dos tronos onde se sentavam delicadas madonas renascentistas ”, diz.

Menozzi Monica NYcollection baixo

Os Artistas

Andrea Costa

Engenheiro, consultor da Arthur Andersen, produtor de televisão da Mediaset, por volta de 2007 decide se dedicar em tempo integral ao desenho e à pintura. Formado na Art Students League de Nova York, ele estudou os clássicos em Florença e Veneza. Em 2010 iniciou a sua atividade expositiva, nomeadamente a exposição “Costa-Rotella, Icons Parallele” em 2011, em junho de 2012 a exposição “Epico Quotidiano”. A Vodafone Italia foi contratada para realizar trabalhos permanentemente expostos no Palazzo Vodafone em Milão em XNUMX.

Zibe

A força subversiva de Zibe está em sua capacidade de mesclar o gesto artístico com o vândalo, de combinar ação criativa com habilidades acrobáticas. O vandalismo como uma das artes plásticas, parafraseando De Quincey, se traduz nele em uma produção irrefreável de tags, pôsteres, adesivos, estênceis que alteram a paisagem urbana, pontuando-a de signos e ícones aparentemente sem sentido, anunciando por si próprias, marcas às quais nenhum produto real corresponde, que estimulam a nossa imaginação inconsciente e a nossa curiosidade. Memória e Tempo são narradores constantes nas obras de Zibe, prontos para nos fazer lembrar o que não devemos.

Gaetano Grizzanti

Consultor de identidade de marca entre os maiores experts do setor, é hoje uma referência para a cultura de branding na Itália. É também artista plástico e, desde 2000, desenvolve um pensamento inovador que nasce da vontade de testemunhar as formas de comunicação do homem do terceiro milénio, no já assumido contexto da globalização. Assim nasceu o pensamento iconista, e

Monica Menozzi

Ilustradora, desde muito jovem colaborou com prestigiosas revistas como Scienza & Vita, Donna Più e depois Bella. Ao longo dos anos, foram acrescentadas publicações como Marie Claire, Grazia, Anna, Vitality, Salve, além de trabalhos para importantes agências de publicidade milanesas criando ilustrações para embalagens de marcas como Yomo, Bonomelli, Fattorie Scaldasole, Artsana, Cirio. Além de trinta anos de experiência em técnicas tradicionais de ilustração clássica, também faz uso de mídias digitais e novas tecnologias.

Paolo Rui

Presidente do EIF-European Illustrators Forum, é pintor (graduado pela Brera Academy of Fine Arts) e ilustrador premiado (especialização no Art Center College of Design nos Estados Unidos). Ele trabalha para o setor editorial e publicitário.

Michele tarifa

Michele Farè é diretora de criação da 3design (agência de design de marca do grupo True Company). Sua paixão pela ilustração o leva a produzir como artista sob o pseudônimo de Mich. Ele se formou na New Academy of Fine Arts (NABA) e em sua carreira trabalhou como diretor de arte em grandes agências milanesas e ganhou prêmios importantes.

Algumas obras estarão disponíveis para compra. No site www.mediastars.it insights e charts de artistas.

Também recomendamos

responder